Arquivo de Novembro, 2019

“Esculápios e Esculapices”, nova obra de João M. A. Soares

clique na imagem para ver ou adquirir o livro e conhecer o seu autor

banner_FB_Esculapios_e_Esculapices

Os chamados tempos modernos, pós-Revolução Industrial, hoje tão acusados de “agressões à saúde e ao ambiente”, corresponderam ao período em que o ser humano (nas regiões que “beneficiaram” dessas “terríveis agressões”) mais espectacularmente aumentou a sua esperança de vida.

Nas primeiras décadas do século XIX, a esperança de vida na Europa rondava os 33 anos e no final do século XX ultrapassou os 80 anos! Para tal, contribuiu diariamente a Ciência e o uso que dela fez a Medicina, a ponto de o médico ser hoje olhado como “alguém que tem de resolver o problema” (de saúde), seja ele qual for, seja qual for o paciente.

O médico, hoje ainda mais que no passado, tem pois as “obrigações” de Esculápio, o deus da Medicina na Mitologia Grega. Quando as coisas correm mal ou correm menos bem, os Esculápios de hoje são sempre causa de conversas sisudas ou de recordações jocosas. São as esculapices… Para ler e sorrir, com coisas sérias…

“Saberes de uma Vida – Provérbios e Expressões Populares”, primeira obra de Edite Barroso

clique na imagem para ver ou adquirir o livro e conhecer a sua autora

banner_FB_Saberes_de_uma_vida

Este livro nasce do sonho da autora, atualmente com oitenta anos, pois é a compilação do saber expresso nos provérbios populares que a todos dão lições.

Apresentação do livro “Histórias da “Periferia”, Na origem do Serviço Nacional de Saúde”

Quinta-feira, 5 de dezembro de 2019, às 18:30, na Ordem dos Médicos (Av. Almirante Gago Coutinho, 151, 1749–084 Lisboa)

A apresentar pela Dr.ª Isabel Ribeiro (coordenadora), pelo Dr. Alexandre Valentim Lourenço (presidente do Conselho Regional do Sul da Ordem dos Médicos) e pelo Prof. Manuel Abecasis (prefaciador).

Anteveja o livro e conheça os seus autores clicando na imagem

banner_FB_Memorias_Periferia_apresentacao_03

O Serviço Nacional de Saúde é, sem dúvida, uma das mais importantes conquistas da revolução do 25 de Abril. Mas, o que em grande medida contribuiu para a sua implementação foi o Serviço Médico à Periferia (SMP), criado em 1975 e terminado em 1982.

Esta medida, obrigatória para todos os médicos que, concluído o seu internato geral, pretendessem obter uma especialização, levou-os a sair dos centros urbanos e, durante cerca de um ano, trabalhar num hospital concelhio, na “Periferia”.

E foi assim que a saúde, até então quase inacessível a grande parte da população, se tornou próxima e gratuita para todos. Deu-se pois uma verdadeira Revolução.

Este livro não é um estudo sociológico sobre o SMP, mas sim uma coletânea de memórias daqueles que, em 1978, partiram de Lisboa para diversos locais do continente e ilhas e que aqui recordam, para memória futura, as aventuras e desventuras desse tempo que a todos marcaram e deixaram saudades.

Nas linhas e entrelinhas destas histórias, umas mais divertidas, outras mais trágicas, desenha-se o país real que encontraram nessa época e retrata-se as dificuldades, o convívio e a amizade que os aproximaram e os ligaram às pessoas que tão calorosamente os acolheram.

“Testemunho de um Economista Social Comprometido na Humanização do Mundo”, uma obra antológica de João Moura

Já disponível nas livrarias

clique na imagem para ver ou adquirir o livro e conhecer o seu autor

banner_FB_Testemunho_de_um_economista_social_disponivel_em_livrarias

Prefácio: “Desabafo – Não perca por favor”, por D. Manuel da Silva Martins, Bispo Emérito de Setúbal

O livro resulta do desafio lançado por inúmeros colaboradores e da vontade do autor em corresponder, para “tentar pôr por escrito os Factos mais significativos em que me fui vendo envolvido e Ideias que fui tendo relacionadas com esses mesmos Factos e Ideias que têm ficado registados na minha memória”.

Enquanto economista com uma preocupação marcante no domínio social, João Moura revela-nos o contributo que a sua Formação, nomeadamente a partir da Família, da Religião, da Escola e, posteriormente, a partir dos primeiros contactos com o Mundo do Trabalho, do Estudo e Investigação em áreas sociais, da Doutrina Social da Igreja, para o que viriam a ser as suas principais motivações, inquietações ao longo do seu percurso pessoal e profissional até ao presente.

As diversas Actividades que manteve na Igreja Católica, assim como noutros domínios, nomeadamente no Sector Privado e Público, na área da Concertação Social, no Ensino na Universidade, mas também a nível Internacional, nomeadamente junto da OCDE, da OIT e do Conselho da Europa e, finalmente, a intervenção na Vida Política Portuguesa, são algumas das áreas em que o autor vai revelando alguns aspectos da realidade que teve que enfrentar.

Apresentação de “DI(z)VERSOS”, poesia de Jorge Serra de Almeida

Quinta-feira, 21 de novembro de 2019, às 18:00, na Livraria Ferin (Rua Nova do Almada, 70, 1249-098 Lisboa)

Estes textos (versos) de Jorge Serra de Almeida conseguem a leveza de uma simplicidade só aparente. Um quotidiano onde a presença do outro nos remete ora para o amor, ora para a urgência da denúncia do sofrimento que as injustiças provocam. Mas sempre com a presença do outro, sem o qual nada faria sentido. Tudo mediatizado pela presença da natureza – o berço onde o diálogo eu-tu se desenrola. (Prof. António Miguel Silva Avelãs)

A apresentação do autor e da obra será feita por Alice Vieira

Anteveja o livro e conheça o seu autor clicando na imagem

banner_FB_DI(z)_VERSOS_apresentacao

Carlos Manuel Rafael de Almeida publica o seu primeiro livro de poesia

Clique na imagem para ver ou comprar o livro e conhecer o seu autor

banner_FB_Enlace_Charlie_Alfa

Nesta sua primeira obra, o autor, que não se considera escritor, limita-se a transportar os seus pensamentos para o papel. Não cumpre regras nas escritas (como a pontuação); brinca com populismos alentejanos, entre outros; e mete erotismo e humor ao barulho. Na simplicidade, nada de maldade traz.

“Manual de Boas Práticas Ambientais na Escalada em Rocha”, uma obra de Luís Cunha Avelar

clique na imagem para ver ou adquirir o livro e conhecer o seu autor

banner_FB_Manual_de_Boas_Práticas_03

Manual de Boas Práticas Ambientais na Escalada em Rocha – Conhecer para Conservar o Habitat e Espécies de Flora e Avifauna das Escarpas e Falésias rochosas é, possivelmente, a primeira publicação nacional de cariz comercial que aborda o pertinente tema dos impactes ambientais e sociais dos Desportos de Natureza (DN), neste caso particular, da Escalada em rocha. Tendo, à semelhança dos outros DN, o meio natural como “campo de jogo”, e sendo muitas vezes praticada em habitats singulares em Áreas Protegidas (AP) classificadas, ou com tal potencial, a Escalada em rocha, quando implementada e praticada sem os devidos cuidados (dentro ou fora de AP e classificadas), pode constituir-se como mais uma ameaça, principalmente sobre espécies de flora e avifauna rupícola raras e com estatuto de conservação desfavorável. Existem igualmente outros impactes, transversais a outros DN, que não podem igualmente ser descurados e que são paralelamente abordados neste manual.

Capítulos:

  • Conhecimento da modalidade – Escalada em rocha
  • Conhecimento do meio e impactes da modalidade
  • Recomendações de boas práticas ambientais e sociais na Escalada em rocha

Ao contrário do que se possa pensar à partida, este manual não se destina exclusivamente aos praticantes de Escalada em rocha. Muitos tópicos têm igualmente interesse e são recomendados para aqueles que têm responsabilidade em promover ou considerar as implicações da prática da modalidade em meio natural: responsáveis das federações e de clubes de Montanhismo e Escalada; instrutores e monitores da modalidade; técnicos e vigilantes responsáveis pela gestão e vigilância de AP e classificada; empresários, guias e monitores de empresas de Animação Turística, técnicos do Turismo Sustentável, Turismo Ambiental; Ecoturismo; alunos e docentes dos cursos de DN-Turismo Ativo; geólogos e ornitólogos; botânicos; dirigentes e voluntários das ONGA (Organização não governamental de Ambiente); técnicos de ambiente das Câmaras Municipais e todos os interessados no tema da sustentabilidade dos DN, em geral.


O SitiodoLivro.pt

Insira aqui o seu endereço de email para seguir o Blogue e receber notificações dos novos artigos por email.

Siga-nos no Twitter

Quer publicar um livro? Saiba como aqui

Esclareça-se aqui como comprar-nos livros

Conheça as modalidades de pagamento que aceitamos

Para qualquer questão, contacte-nos desde já

Categorias

Arquivo por meses


%d bloggers like this: