Arquivo de Abril, 2010

Sessões de Autógrafos dos Autores do Sítio do Livro na Feira do Livro de Lisboa

Sessões de Autógrafos

Anúncios

Vídeo de apresentação da 80ª Feira do Livro de Lisboa

Sítio do Livro marca presença na 80ª Feira do Livro de Lisboa

O Sítio do Livro irá marcar presença na Feira do Livro de Lisboa. Iremos estar no Pavilhão dos Pequenos Editores com as nossas publicações. Com apenas 4 meses de vida e 35 obras publicadas, o Sítio do Livro espera neste evento conseguir chegar a mais pessoas não só para dar a conhecer o nosso conceito mas também, as obras por nós publicadas. Contamos, por isso, com a vossa visita já a partir de amanhã.

Daniel Defoe

  

Daniel Defoe

Daniel Defoe

 

“O grau mais elevado da sabedoria humana é saber adaptar o seu carácter às circunstâncias e ficar interiormente calmo apesar das tempestades exteriores”.

Esta citação reflecte bem o carácter do seu autor, que hoje destacámos, no 279.º aniversário da sua morte, assim como a lição que nos deixou a sua obra mais famosa, de entre as mais de quinhentas que redigiu, e de todos conhecida, Robinson Crusoe, escrita em 1719.

Mark Twain

“Não abandones as tuas ilusões. Sem elas podes continuar a existir, mas deixas de viver.”

Os seus romances mais notáveis são “Aventuras de Huckleberry Finn”, um dos maiores romances da literatura americana e também “As Aventuras de Tom Sawyer”, um dos favorito entre os jovens até hoje. “As Aventuras de Huckleberry Finn”… estabeleceu-o, definitivamente, como um dos grandes humoristas da literatura mundial. Porque as suas personagens continuam a fazer parte do imaginário de todos nós, no centenário da sua morte, não poderíamos deixar de relembrar, Mark Twain.

Por… Alexandre O’Neill

Rosa Lobato Faria

“Senhora de uma personalidade bastante forte, impunha-se pelo seu porte distintíssimo e pelo espírito perfeccionista que punha em todos os seus trabalhos, era uma das escritoras e actrizes que será sempre lembrada (…)”. Escreveu ainda dezenas de letras para canções, muitas delas para festivais da canção. Entre elas o… conhecido “Chamar a Música”, interpretado por Sara Tavares. Deixou-nos muito recentemente e, por isso mesmo, não poderíamos deixar de assinalar aquele que seria o seu 78º aniversário.

SE EU MORRER DE MANHÃ

Se eu morrer de manhã
abre a janela devagar
e olha com rigor o dia que não tenho.

Não me lamentes. Eu não me entristeço:
ter tido a morte é mais do que mereço
se nem conheço a noite de que venho.

Deixa entrar pela casa um pouco de ar
e um pedaço de céu
– o único que sei.

Talvez um pássaro me estenda a asa
que não saber voar
foi sempre a minha lei.

Não busques o meu hálito no espelho.
Não chames o meu nome que eu não venho
e do mistério nada te direi.

Diz que não estou se alguém bater à porta.
Deixa que eu faça o meu papel de morta
pois não estar é da morte quanto sei.


Insira aqui o seu endereço de email para seguir o Blogue e receber notificações dos novos artigos por email.

O SitiodoLivro.pt

Seja nosso fã no

Quer publicar um livro? Saiba como aqui

Conheça todas as novidades editoriais na nossa livraria

Os nossos e-books

Procura um livro que não encontra? Peça-nos

Encomende os livros escolares connosco

Esclareça-se aqui como comprar-nos livros

Para qualquer questão, contacte-nos desde já

Conheça as modalidades de pagamento que aceitamos

Arquivo por meses

Categorias

Siga-nos no twitter


%d bloggers like this: